O Gângster ( The Racketeer, 1929 )

The Racketeer, 1929

Estou até agora tentando me decidir o que é pior, o filme em si ou a tenebrosa edição nacional da “London Films” do DVD que comprei. É tudo um horror.
The Racketeer é um dos primeiros filmes sonoros produzidos e nem todo mundo sabia o que estava fazendo nessa época (nem todo mundo nasceu Lubitsch), nota-se aqui como a transição fora difícil para os atores que declamavam suas falas de forma fantasmática e pouco natural, mas nada disso explicaria o fato do tal Howard Higgin, diretor do filme, não saber filmar. Com planos horríveis e direção de atores totalmente nula nos faz indagar em que buraco da terra este homem se escondeu na última década com verdadeiros mestres da narrativa pipocando em todas as partes do mundo. Nem é preciso mencionar que filme de gângster pré Muni, Cagney e Raft simplesmente não é filme de gângster. Que sacrifício não fazemos por musas como Carole Lombard, não?

Nota: A bruaca da Hedda Hopper faz uma ponta. Certo, bruaca era o Louella Parsons, não a Hedda.

Advertisements

Leave a Reply

Please log in using one of these methods to post your comment:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: