Os Filmes Bacanas de Cada Ano que Vivi: 2006

1- PeltsDario Argento muito foi acusado de fazer uma “propaganda para PETA” com esse episódio de Masters of Horror, mas como sou vegetariana e gosto de bichinhos felpudinhos vivos, em momento algum me senti ofendida como as donzelas anti-PETA ao verem os escalpeladores de fufus tendo o seu devido desenrolar cármico. Ui, moços sensíveis. Como se qualquer tipo de ideologia tivesse algo a ver com o fato de Argento ser um dos cineastas mais fodaços de sempre.

2- Wood & Stock: Sexo, Orégano e Rock’n’RollQuem tinha aquelas Chiclete com Banana amareladas sabe do peso de um filme como esse. Sabe como é, primeira Rê Bordosa a gente nunca esquece, a minha foi a morta.

3- Sonhando Acordado (La Science des Rêves)É um filme fofo. Tudo é fofo nesse filme, Gondry, Gael, Gainsbourg, o cenário, a trilha sonora, tudo fofo. Diz-se à boca miúda que as únicas pessoas que gostam desse filme são as que se identificam com a personagem de Gael, eu me identifico. Ame ou odeie.

4- O Homem Duplo (A Scanner Darkly)Gosto do Linklater, gosto do estilo de animação dele que na prática cai como uma luva na teoria de Phillip K. Dick. Um tipo de adaptação que caiu bem nas mais distintas perspectivas. Hoje já disse que amo o Bob?

5- O Cheiro do RaloTípico filme que te ganha só com a atuação do ator principal, no caso Selton Mello, mas de brinde ainda leva um texto incrível e perícia cinematográfica dentre as melhores vistas não só naquele ano, mas de toda essa década.

Real melhor filme do ano: Cartas de Iwo Jima (Letters from Iwo Jima)

Advertisements

Leave a Reply

Please log in using one of these methods to post your comment:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: