Os Filmes Bacanas de Cada Ano que o Cinema Viveu: 1993

1- Feitiço do Tempo (Groundhog Day)Sério candidato a maior comédia da década, com o mote roubado de um episódio do Twilight Zone de repente o dia da Marmota de Punxsutawney passou a ser comemorado no mundo todo (até por mim, diga-se), especialmente devido ao humor deadpan de Bill Murray ao qual o colega Caça-Fantasma Harold Ramis soube dar asas.

2- Batom no Colarinho (Lipstick on Your Collar)Sou uma dessas pessoas afortunadas que viram o Ewan McGregor antes mesmo dele se enfurnar no cinema com Peter Greenaway e Danny Boyle, quando esta minissérie do soberbo dramaturgo Dennis Potter passou na TV cultura. Paixão à primeira vista, quem diria que anos depois ele se tornaria O scotchy master.

3- É Tudo Verdade (It’s All True)Nosso amado Salve Salve Getúlio fez cara feia, um dos carinhas da Jangada morreu e a RKO mandou o diretor voltar para casa quando já tinham destruído a edição e o sentido de Soberba. Nesse ano foi lançado os resquícios do filme da política da boa vizinhança de Orson Welles e fica claro que este é expressivo demais para concorrer com o Zé Carioca. Tudo bem, isso acabou rendendo uma vida de obsessão ao Sganzerla.

4- A Época da Inocência (The Age of Innocence)Nunca um beijo na mão foi tão erótico e nem Scorsese mais subestimado.

5- Amor À Queima Roupa (True Romance)Taí um filme que … (Tony Scott filho da puta), mas que adoro. Tal qual Assassinos por Natureza não me canso de assistir, ambos são definitivamente românticos e saídos da mente de Tarantino, além de cults óbvios. Passei anos querendo uma saia com estampa de vaca igual da Patrícia Arquette, encontrei num brechó e não serviu. Gary Oldman rastafári cafetão, Val Kilmer de Elvis, Brad Pitt chapadão e o tal duelo entre Christopher Walken e Dennis Hopper, até o Tony Soprano e o Primo Cruzado dão as caras por alí. Bronson Pinchot é ídolo.

Real Melhor Filme do Ano: Blue do Derek Jarman

Advertisements

2 thoughts on “Os Filmes Bacanas de Cada Ano que o Cinema Viveu: 1993

  1. ai, espera aí que me deu vontade de espirrar… KIESLOWSKI!
    hehe, só pra te encher o saco.

    ps. feitiço do tempo daria um bom seriado, não é? até um bom gibi, eu diria. é o tipo de história que dá uma inveja da porra por a gente não ter pensado em nada parecido primeiro.

Leave a Reply

Please log in using one of these methods to post your comment:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: