Cat by Katharine M. Rogers

Sigmund Freud pronounced that women retard the progress of civilization, and Carl Jung drew the connection with cats: cats resemble women, he remarked, because cats are “least domesticated of domesticated animals” in contrast with dogs and men.

Olha que coisa complexa isso, o tom do livro trata essa afirmação do Jung como se fosse algo ruim (nem vou mencionar aquela coisa do Freud, ora essa), o que para mim seria um baita elogio comparar o feminino com o gato, para a autora é uma tremenda ofensa – talvez o tom que ela sugere da afirmação de Jung seja que ele supostamente esteja tratando o feminino como algo selvagem e pouco civilizado comparado ao masculino e não como ligação arquetípica, o que é bem estranho por parte da autora, pois ela mesma cita os milênios de associação felina com o feminino e toda a simbologia envolvida, incluindo alí a deusa Bastet no antigo Egito. Talvez feministas e machistas tenham certa dificuldade em lidar com arquétipos, tratando sua leitura como uma afirmação factual, da mesma forma que os religiosos e os ateus ao lidarem com o arquétipo de Deus, ora bolas, colocar a afirmação de Freud numa mesma frase que a de Jung é um disparate sem tamanho (sem falar na descontextualização do diálogo de onde a frase fora tirada – se bem me lembro era um simpósio ou algo do gênero) e quem acaba por cair em nuances deturpadas é a própria autora.

5 thoughts on “Cat by Katharine M. Rogers

  1. É que você saiu do orkut, mas eu tava acompanhando uma discussão na comunidade do Jung, num tópico onde alguém perguntava o motivo do Freud ser tão mais conhecido, discutido, etc. Apareceram umas respostas sensacionais, falando desde as diferenças entre as teorias (e personalidades) até toda a publicidade que o Freud teve (já viu o doc. da BBC sobre isso? The Century of the Self, fala muito do sobrinho dele, que praticamente inventou o termo “relações públicas”) e a “anti-publicidade” que acabou fazendo em cima dos outros. E como não achar estranho um cara que critica religião e monoteísmo mas logo se coloca como o pai legislador e dogmático?

    Like

    • Não vi esse documentário e nem sequer sabia de sua existência, mas obviamente vou dar um jeito de ver. Sabe que o que é mais foda nessa “rixa”? É que até hoje tem gente da escola psicanalítica que pinta o Jung como se fosse um satã da vida (e não só, se você for no meio de sociólogos xiitas e começar a falar a sério do Jung, eles provavelmente vão te linchar) – um tempo atrás li um texto na internet que me deixou verdadeiramente horrorizada, especialmente porque o assunto focado era que a cisão entre o Freud e o Jung não seria pelas divergências de pensamento e sim porque Freud era judeu!!! Aí entrava quelas merdas todas dele ter ficado no meio do nazismo, que o nazismo era tudo que ele queria porque compravava todo o pensamento dele etc etc blá blá blá Isso me deprime.

      Like

  2. O documentário é do Adam Curtis, ele tem outros muito bons também. Acho que é uma trilogia até, The Trap e The Power of Nightmare os outros dois.

    Eu vou jogar trechos da discussão lá no Word e mando pra você por email, tem um sujeito citando muitos autores nos argumentos, talvez se interesse por alguns.

    Like

    • Lembrei de uma cena do seriado O Jovem Indiana Jones – um jantar entre o próprio e a trinca Adler-Freud-Jung, dessa cena dá para tirar quase uma lição histórica daquela época: Freud e Jung não param de falar e discutir (Freud deixando as senhoiras constrangidas e Jung batendo na mesa), enquanto Adler pouco diz (ou pouco é ouvido?). Logo acabo por postar isso aqui no blog. Ah, o bacana é que o jovem Indy desde cedo já tem afinidade com o que Jung diz para ele.

      Like

  3. Pingback: Variação do mesmo tema: Gato³ | Quixotando

Leave a Reply

Please log in using one of these methods to post your comment:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: