Top-dúzia: Emeric Pressburger

Olha que engraçado, quando comecei a estudar os caras pensei logo: aposto que um dos dois é sagitariano. Fui ver a data do Powell e não, fui ver a do Pressburger e… é lógico. Ah, hoje também é aniversário do Fritz Lang, Walt Disney, Otto Preminger, Nunnaly Johnson e Fritz Arno Wagner. Aparentemente é um bom dia para o cinema e para o Powell, já que dois deles são seus maiores ídolos (Lang e Disney) e o outro foi praticamente seu marido intelectual.

1- Narciso Negro (Black Narcissus, 1947)

2- Neste Mundo e no Outro (A Matter of Life and Death, 1946)

3- Sapatinhos Vermelhos (The Red Shoes, 1948)

4- Coronel Blimp - Vida e Morte (The Life and Death of Colonel Blimp, 1943)

5- O Seu Pior Inimigo (The Small Back Room, 1949)

6- Sei Onde Fica o Paraíso (I Know Where I'm Going!, 1945)

7- Um Conto de Canterbury (A Canterbury Tale, 1944)

8- Os Contos de Hoffmann (The Tales of Hoffmann, 1951)

9- Coração Indômito (Gone to Earth, 1950)

10- Um dos Nossos Aviões não Retornou (One of Our Aircraft Is Missing, 1942)

11- Contos Vienenses (Oh... Rosalinda!!, 1955)

12- Paralelo 49 (49th Parallel, 1941)

*Ele não é creditado como co-diretor em 49th Parallel, mas simplesmente não dá para deixar de fora. E todo dia muda a ordem dos 8 primeiros colocados.

Se fosse listá-los só pensando em roteiro e não no filme como um tôdo, a ordem seria bem distinta:
1- A Matter of Life and Death (1946)
2- The Life and Death of Colonel Blimp (1943)
3- 49th Parallel (1941)
4- The Red Shoes (1948)
5- I Know Where I’m Going! (1945)
6- A Canterbury Tale (1944)
7- Black Narcissus (1947)
8- The Small Back Room (1949)
9- Gone to Earth (1950)
10- One of Our Aircraft Is Missing (1942)
11- The Tales of Hoffmann (1951)
12- Oh… Rosalinda!! (1955)

Advertisements

2 thoughts on “Top-dúzia: Emeric Pressburger

  1. Mostra Powell/Pressburger em SP. De 28/12 a 16/01

    Logo depois vai pro Rio. Fiz bem em não ter visto nenhum filme deles, vou poder conhecer bem.

    • Grande idéia fazer uma mostra de cineastas completamente ignorados no país justamente quando tá todo mundo viajando. Bom, melhor do que nada, mas as datas do Rio são muito mais plausíveis.

Leave a Reply

Please log in using one of these methods to post your comment:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: