Sir Patrick “Paddy” Leigh Fermor (1915 – 2011)

W. Stanley Moss & Patrick Leigh Fermor

Did ye not hear it? – No; ’twas but the wind,
Or the car rattling o’er the stony street;
On with the dance! let joy be unconfined;
No sleep till morn, when Youth and Pleasure meet
To chase the glowing Hours with flying feet.
But hark! – that heavy sound breaks in once more,
As if the clouds its echo would repeat;
And nearer, clearer, deadlier than before!
Arm! arm! it is – it is – the cannon’s opening roar!

Childe Harold’s Pilgrimage – Lord Byron

Estava procurando estas fotos para comparar com frames de Ill Met by Moonlight quando soube que o Michael Gough havia morrido (que por acaso estava no elenco), então deixei de lado e me ocupei de um post sobre o Gough, agora o verdadeiro Paddy Fucking Fermor padeceu aos 96 anos, o homem que inspirou o filme derradeiro dos Archers, mas não creio que ele tenha dito alguma vez que se sentia nu sem um bigode tal qual o Dirk Bogarde – isso é coisa do Powell.









Enfim, isso só foi o meio, o resto da vida dele foi igualmente interessante, como se pode encontrar no blog que fizeram para ele, o qual frequento já há alguns meses, mas que agora não pode mais se chamar The Greatest Living Englishman. E é bom lembrar também que Fermor era bem gato… e que, como bem notou Pressburger, o poema completo de Byron parcialmente citado acima lhe cai como uma luva, Fermor era uma espécie de cavaleiro da Távola Redonda mesclado ao arquétipo do herói byroniano e transposto para o século XX – simplesmente irresistível.

Nota: Fermor co-escreveu com Romain Gary o roteiro do The Roots of Heaven do John Huston e imagino que ter ficado naquele set de filmagens no meio da África cheio de gente doente, bêbada e lunática o fez ter saudade de ser perseguido pelos nazis. Mentira, ele adorava tudo isso.

Publicado por Adriana Scarpin

Bibliófila, ailurófila, cinéfila e anarcafeminista. Really. Podem me encontrar também aqui: https://linktr.ee/adrianascarpin

Um comentário em “Sir Patrick “Paddy” Leigh Fermor (1915 – 2011)

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: