Centenário de Ossie Davis

Além de grande ator, Davis foi um notório defensor dos direitos civis dos negros, sempre ao lado de Martin Luther King e Malcolm X (para este lançou mão de um panegírico em seus funeral que se tornou muito famoso, sendo inclusive usado por Spike Lee ao final de sua biografia sobre o mesmo), além de um excelente diretor blaxploitation, particularmente considero Cotton Comes to Harlem um dos maiores expoentes do cinema black norte-americano e não à toa Davis era um dos ídolos de Spike Lee e estava sempre em seus filmes.

Top-12 como ator então:

1- Bubba Ho-Tep (Don Coscarelli, 2002)
2- A Coluna dos Homens Perdidos (The Hill, Sidney Lumet, 1965)
3- Faça a Coisa Certa (Do the Right Thing, Spike Lee, 1989)
4- Revanche Selvagem (The Scalphunters, Sydney Polack, 1968)
5- O Retorno de Sweetback (Baadasssss! Mario Van Peebles, 2003)
6- O ódio é cego (No Way Out, Joseph L. Mankiewicz, 1950)
7- Todos a Bordo (Get on the Bus, Spike Lee, 1996)
8- Febre da Selva (Jungle Fever, Spike Lee, 1991)
9- Doze Homens e Uma Sentença (12 Angry Men, William Friedkin, 1997)
10- O Cardeal (The Cardinal, Otto Preminger, 1963)
11- Dois Velhos Rabugentos (Grumpy Old Men, Donald Petrie, 1993)
12- Joe contra o Vulcão (Joe Versus the Volcano, John Patrick Shanley, 1990)

Publicado por Adriana Scarpin

Bibliófila, ailurófila, cinéfila e anarcafeminista. Really. Podem me encontrar também aqui: https://linktr.ee/adrianascarpin

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: