Centenário de William Holden


Bom, desnecessário apresentações, uma vez que o Holden abria o seu sorrisão ou dava uma tiradinha irônica, não havia escapatória para o seu charme infinito.
Nunca um top me foi tão sofrido, entre outros profissionais de cinema sempre me foi fácil escolher entre um e outro filme, aqui eu realmente não sabia o que ficava ou que sairia fora e principalmente qual seria o número 1, como raios escolher entre Sunset Boulevard, Network e The Wild Bunch? Alguns ótimos trabalhos com diretores idem tiveram que ser dispensados como George Cukor, Otto Preminger e John Ford – demais filmes assistidos aqui no letterboxd. Top dúzia, então:

1- Crepúsculo dos Deuses (Sunset Boulevard, Billy Wilder, 1950)

2- Rede de Intrigas (Network, Sidney Lumet, 1976)

3- Meu Ódio será tua Herança (The Wild Bunch, Sam Peckinpah, 1969)

4- O Inferno Nº 17 (Stalag 17, Billy Wilder, 1953)

5- A Ponte do Rio Kwai (The Bridge on the River Kwai, David Lean, 1957)

6- Sabrina (Billy Wilder, 1954)

7- Interlúdio de Amor (Breezy, Clint Eastwood, 1973)

8- S.O.B. Nos Bastidores de Hollywood (S.O.B. Blake Edwards, 1981)

9- Tributo de Sangue (The Turning Point, William Dieterle, 1952)

10- Férias de Amor (Picnic, Joshua Logan, 1956)

11- Conflito de Duas Almas (Golden Boy, Rouben Mamoulian, 1939)

12- Passado Tenebroso (The Dark Past, Rudolph Maté, 1948)

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: