24 Frames: Um Amor de Swann (Un Amour de Swann, Volker Schlöndorff, 1984)

Tinha ela na mão um ramalhete de catleias e Swann viu, sob o véu de renda que lhe cobria os cabelos, flores dessa mesma orquídea presas a uma pluma de penas de cisne. Trazia sob a mantilha um amplo vestido de veludo negro que, num apanhado oblíquo, punha a descoberto o largo triângulo de umaContinuar lendo “24 Frames: Um Amor de Swann (Un Amour de Swann, Volker Schlöndorff, 1984)”

As musas de Woody Allen – Parte 4