Let’s have the ‘Black Narcissus’ effect here!












There were scenes in Shutter Island that made me think of Powell’s Black Narcissus and I Know Where I’m Going.
‘Exactly. The coastal elements. And the cliff scene in “Black Narcissus”. Literally, there were some shots in the film when we said, “Right, let’s have the ‘Black Narcissus’ effect here!”

Martin Scorsese talks ‘Shutter Island’

*Também há momentos Sapatinhos Vermelhos (escadaria do farol), The Edge of the World (escalada à beira mar) e A Matter of Life and Death (a maluca ao lado das flores na chegada)
*Há muitos enquadramentos em cenas de internas que remetem igualmente ao Narcissus, mas a iluminação é amplamente distinta, no filme do Scorsese as faces das personagens são iluminadas de forma mais difusa, enquanto no PP claridade e penumbra são usadas com definições mais geométricas (vem daí o surgimento do expressionismo em cores no cinema), agindo de forma sorrateira, especialmente a face da Byron que vai se escondendo nas sombras cada vez mais conforme o filme vai avançando. Digamos que o Scorsese quer mostrar junção, enquanto o Powell quer mostrar cisão, ou seja, o primeiro queria juntar caquinhos de uma personalidade já destruída, enquanto o Powell queria espalhar os caquinhos de algo que ainda estava para se destruir.
*Com Shutter Island e Inception Leonardo DiCaprio ganhou o prêmio PP do ano. Praticamente o Marius Goring do século XXI. Por isso Scorsese gosta tanto dele.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: